Curta o Paulistana no Facebook



Fiéis coletam assinaturas para Reforma Política neste sábado (21)

Posted on
  • sábado, 21 de março de 2015
  • by
  • Redação
  • in
  • Marcadores:
  • Ação será feita próxima ao metrô Clínicas. Foto: Divulgação
    Da Redação

    A Pastoral Fé e Política da Arquidiocese de São Paulo convidou fiéis por e-mail a coletarem assinaturas para a Reforma Política neste sábado (21), às 14h, na praça Benedito Calixto, próxima ao metrô Clínicas.

    A iniciativa faz parte da "Semana de Mobilização pela Reforma Política Democrática", apoiada por entidades que defendem a reforma como a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) e a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

    A proposta defendida pelas entidades, que deve passar pelo Congresso Nacional por meio de um projeto popular, acaba, por exemplo, com o financiamento privado às campanhas eleitorais por empresas como as envolvidas na Operação Lava Jato.

    O local de coleta das assinaturas fica próximo à paróquia São Paulo da Cruz, a Igreja do Calvário, na Região Sé.

    Confira mensagem de representante do MCCE (Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral) enviada pela pastoral:

    "Convidamos todas e todos a participar da coleta de assinaturas para o Projeto de Lei de Iniciativa Popular Eleições Limpas,  iniciativa da Coalizão Pela Reforma Política Democrática e Eleições Limpas, formada por 103 das mais representativas organizações e movimentos sociais do país, como OAB, CNBB, MCCE, Abong, UNEGRO e CNTE, entre outras.

    A coleta ocorrerá dia 21 de março próximo, a partir das 14h, na praça Benedito Calixto - espaço do Autor na Praça (acesse aqui a localização). O evento integra de 20 a 29 de março a Semana de Mobilização Pela Reforma Política Democrática.

    Já temos 500 mil assinaturas; precisamos de 1,5 milhão delas para levar ao Congresso Nacional nossa proposta, que parte de uma representação política mais identificada com a maior parte da sociedade. Seus quatro pontos principais são:

    1. Proibição do financiamento de campanha por empresas e adoção do Financiamento Democrático de Campanha;
    2. Eleições proporcionais em dois turnos;
    3. Paridade de gênero na lista pré-ordenada;
    4. Fortalecimento dos mecanismos da democracia direta com a participação da sociedade em decisões nacionais importantes.
    Acesse www.reformapoliticademocratica.org.br e conheça nossa proposta na íntegra.

    Nesse momento é fundamental que coletemos assinaturas o mais rapidamente possível, pois outros projetos de reforma política já estão sendo analisados no Congresso Nacional - e com finalidades amplamente diferentes deste projeto.

    Participe conosco! Esperamos você no sábado!

    Se possível, imprimir e levar folhas de assinatura para oferecer aos interessados.

    Um abraço,

    Caci Amaral
    MCCE/SP"