Curta o Paulistana no Facebook



Padre será suspenso no Chile após armazenar pornografia infantil

Posted on
  • segunda-feira, 30 de março de 2015
  • by
  • Redação
  • in
  • Marcadores:
  • Caso veio à tona após conversa de conotação sexual com aluna do ensino médio

    Carlos Waldo é da Diocese de São José de Temuco. Foto: Reprodução/obispadodetemuco.cl

    Da Redação

    O vigário da paróquia São Paulo de Carahue da cidade de Temuco, no Chile, Carlos Ignes Olguin, foi declarado culpado por armazenar ponografia infantil. A informação foi dada pelo site El Ciudadano nesta segunda-feira (30).

    Investigação encontrou disco em sua casa com arquivos de fotos em que menores se encontram em situações sexuais.

    O caso foi descoberto em 2013 na Escola Politécnica de Pueblo Nuevo, quando um professor descobriu conversa de conotação sexual entre aluna do terceiro ano do ensino médio e o padre durante aula de informática.

    A Diocese de São José de Temuco determinou que Olguin encerre suas funções em sua igreja. A investigação está sendo conduzida pelo bispo da região, Héctor Vargas.

    A sentença de condenação pela diocese será oficializada nesta terça-feira (1º).

    Leia também: Papa irá pedir perdão por casos de pedofilia na Sexta-feira Santa