Em homilia, pontífice disse que o tempo nos deixa "permear pelos sentimentos de Jesus"

Vaticano também confirmou pela manhã possível viagem de Francisco a Cuba.
Foto: Gabriel Andrés Trujillo Escobedo
Da Redação

O Papa Francisco aconselhou em missa na manhã desta quinta-feira (17) a se usar a passagem do tempo para não sentir ódio pelas pessoas. As informações são da agência de notícias do Vaticano.

“É possível que um homem reaja a situações difíceis usando os modos de Deus? É só questão de tempo. O tempo de se deixar permear pelos sentimentos de Jesus”, afirmou o pontífice.

"Quando temos antipatia, ódio, não deixem que cresçam, parem, deem tempo ao tempo. O tempo coloca as coisas em harmonia e nos faz ver o lado justo delas", disse.

Para Francisco, as pessoas precisam ser humildes para ficarem em harmonia. "O orgulho dos primeiros leva a querer matar os outros, já a humildade, também a humilhação, leva a se parecer com Jesus. E isso é algo que nós não pensamos", advertiu o Papa.

Confirmação

O porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, confirmou também nesta manhã a possibilidade de Francisco fazer uma passagem por Cuba em dezembro, quando irá fazer visita aos Estados Unidos.

Segundo ele, o planejamento entre as autoridades cubanas e vaticanas ainda está em estágio inicial.

A informação havia sido divulgada pelo Wall Street Journal. Papa Francisco mediou a aproximação recente entre Cuba e Estados Unidos.

Os dois países protagonizaram a chamada Guerra Fria, entre os anos 1950 e 1980, na qual ocorreu o embate dos projetos do capitalismo estadunidense e do socialismo soviético.

Leia também: Papa irá visitar América Latina entre os dias 6 e 12 de julho